Informações de Mercado

Acesse nossas publicações

Análises do segmento de foodservice, estudos econômicos, papers relevantes, documentos selecionados para a sua tomada de decisão.

A inteligência de mercado do IFB ao seu dispor.

Quer conhecimento estratégico?
Seja bem-vindo!

Clique, consulte, baixe.

Entrar
Negócios

Food trucks, um setor que inventa e se reinventa constantemente

Postado em 23 de janeiro de 2019

Comida rápida de rua não é novidade nem no Brasil tampouco mundo afora. Datando de meados de 1860 nos Estados Unidos, o comércio alimentício ambulante e itinerante é hoje uma tendência mundial que acompanhou momentos de crise financeira e fez com que o empreendedor buscasse se reinventar e inovar para permanecer no mercado.

A onda das food trucks chegou ao Brasil por volta de 2014 e até 2016 viveu um período de agitação em meio à novidade de culinárias diversificadas e acessíveis espalhados por toda cidade. Aglomeradas nas chamadas “food parks”, em eventos itinerantes ou em locais onde a oferta de restaurantes era escassa, as trucks reescreveram um conceito na cabeça do brasileiro, que associava comida de rua à comida de baixa qualidade.

Com estrutura melhor desenvolvida tal qual os restaurantes e oferecendo cardápios variados, de culturas diversas, os brasileiros se viram diante de um novo meio de se alimentar nas ruas. A partir de então, o empreendedor teve que se adaptar às demandas, exigências e particularidades do público brasileiro. Em alguns casos, as food trucks chegaram a ser o ponto de partida para um restaurante fixo, já que o investimento inicial de um veículo adaptado para tal é menor.

Mesmo com a crise financeira que o Brasil veio a enfrentar após 2016, as trucks conseguiram permanecer firmes no mercado de foodservice e continuam sendo tendência que brilha aos olhos de novos empreendedores. Buscando desenvolver maneiras de atrair o público que já se adaptou bem à essa maneira de alimentação de rua, elas estão atentas às características únicas do público brasileiro, que gosta destes espaços para conhecer pratos diferentes, financeiramente mais acessíveis e não abrem mão de um ambiente de sociabilidade.

O destaque atualmente é a busca do consumidor por uma alimentação mais artesanal e que fuja do padrão de grandes restaurantes. Outra linha bastante à moda no setor são as trucks que oferecem cafés ou bebidas alcoólicas, sendo muito procuradas também para integrar espaços de eventos.

Hoje em dia, principalmente nas capitais e grandes cidades do país, é possível encontrar diversas food parks já bem estabelecidas e com food trucks consolidadas no mercado. Em São Paulo capital, por exemplo, já existem locais fixos e conhecidos do público onde as trucks se reúnem diariamente, formando pontos de encontro agitados principalmente à noite e aos finais de semana.

As possibilidades e variáveis são enormes. De food truck padrão montadas em kombis ou similares, até veículos de três rodas extremamente práticos para o “ir e vir” do empreendedor, o foodservice de rua tem altos e baixos, mas consegue ser inovador e criativo. Não há quem não se sinta atraído à grande variedade de produtos e serviços oferecidos. Saber acompanhar as tendências e atrair o consumidor é a chave do sucesso para esse setor que é a cara das grandes metrópoles e da modernidade.

Informações de Mercado

Acesse nossas publicações

Análises do segmento de foodservice, estudos econômicos, papers relevantes, documentos selecionados para a sua tomada de decisão. A inteligência de mercado do IFB ao seu dispor.

Nome*
E-mail*
Empresa*