Informações de Mercado

Acesse nossas publicações

Análises do segmento de foodservice, estudos econômicos, papers relevantes, documentos selecionados para a sua tomada de decisão.

A inteligência de mercado do IFB ao seu dispor.

Quer conhecimento estratégico?
Seja bem-vindo!

Clique, consulte, baixe.

Entrar
Inovação

Tendências para o setor de Foodservice em 2019

Postado em 13 de fevereiro de 2019

Contando com mais de um terço das vendas da indústria alimentícia no Brasil, o foodservice aponta direções importantes para 2019.

Confira as grandes tendências para o setor:

 

  1. Alimentação saudável e preocupação com sustentabilidade

Conhecer a procedência dos alimentos, políticas como a de gaiolas livres, alimentos orgânicos e mais artesanais, menores índices de açúcar e sal, entre outras, se tornam evidentes preocupações dos consumidores. A diminuição do desperdício e o melhor aproveitamento dos alimentos também.

Focados tanto em uma nutrição mais saudável para si, como em uma relação mais sustentável para o meio ambiente, o consumidor passa a olhar toda a cadeia produtiva, fazendo escolhas mais criteriosas.

  1. Personalização

Restaurantes que oferecem opções de escolha de ingredientes e montagem das refeições são um grande atrativo, estando ligada à experiência do cliente e também à utilização de tecnologias para isso. Opções vegetarianas, vegans e destinada a alérgicos também demonstram o olhar sobre a singularidade de cada cliente; e a possibilidade de se fazer essas escolhas, tornam a experiência muito mais pessoal e única.

  1. Experiência do cliente

O relacionamento entre consumidores e clientes focada na verdade, na experimentação e em momentos singulares, compartilháveis e memoráveis, é um ponto fundamental para fidelização e crescimento de empresas.

Acessibilidade, informação, conforto, diversão e praticidade são pontos para a identificação do cliente com a marca.

  1. Cozinha étnica e regional

Experimentar novos sabores, ter acesso a diferentes temperos, refeições regionais e comidas típicas, é uma forma de  viajar sem sair do lugar. Aqui a experiência do cliente, a inovação e a alimentação saudável também podem andar juntas.

Algumas variedades da gastronomia internacional já foram incorporadas à alimentação brasileira, como as comidas árabes, japonesa e italiana, por exemplo. Mas ainda temos espaço para tantas outras culturas que vem conquistando os brasileiros, inovando ou crescendo ainda mais por aqui, como vem sendo o caso da comida mexicana, se popularizando a cada dia. Opções de outras regiões do Brasil também atraem e se multiplicam no setor.

  1. Inovações tecnológicas

O acelerado desenvolvimento das tecnologias, seu acesso e uso no cotidiano da população, não poderia deixar de envolver o foodservice. Oferecendo experiências tecnológicas, como restaurantes com totens para pedidos e cardápios eletrônicos, o setor automatiza cada vez mais, da sua produção ao atendimento e foca também em serviços como de pedidos online e armazenamento em nuvens, que oferece segurança e redução de custos com dados.

A tecnologia aliada ao setor pode oferecer segurança, reduzir custos, trazer maior conhecimento sobre seus clientes e melhorar a produção, distribuição e atendimento.

 

Portanto, a praticidade continua sendo uma tônica na alimentação fora do lar. Mas atributos como qualidade, inovação, variedade e foco na experiência do cliente se mostram fundamentais no desenvolvimento do foodservice. Mudanças de hábitos dos consumidores também devem ser levados em conta para um mercado que não para de crescer e deve estar sempre focado em atualizar-se e alinhar-se com as tendências globais.

Informações de Mercado

Acesse nossas publicações

Análises do segmento de foodservice, estudos econômicos, papers relevantes, documentos selecionados para a sua tomada de decisão. A inteligência de mercado do IFB ao seu dispor.

Nome*
E-mail*
Empresa*